O Labirinto Del Toro

Membro do trio maravilha de realizadores mexicanos mais famosos e talentosos de Hollywood (com Alfonso Cuarón e Alejandro Iñárritu), Guillermo del Toro é o mais "fantástico" dos três, quer na temática das suas histórias quer no arrojo visual.
O seu mais recente filme, Pan's Labyrinth (El Laberinto del Fauno ou O Labirinto do Fauno) parece saído de um conto de Lewis Carroll, assemelhando-se a um Alice no País da Maravilhas meets Hellboy.
O cenário é algures na Espanha de Franco em 1944, recentemente saída de uma guerra civil e no meio da 2ª Guerra Mundial. Transportando a mitologia clássica para o século XX, del Toro cria um filme de uma grande riqueza visual. Para os fãs do realizador, as criaturas mágicas que povoam este mundo não serão surpresa, pois já estavam presentes em El Espinazo del Diablo e em Hellboy, numa imagética muito característica do autor.
Filme de abertura do Fantasporto deste ano (começou no dia 19 de Fevereiro), o Labirinto do Fauno é a obra prima de Del Toro, também ele um entusiasta do Fantas desde há muito tempo.
Nomeado para seis Oscares e vencedor de três, entre muitos outros prémios, perdeu a estatueta dourada de forma inesperada para Das Leben der Anderen, mas não deixou de ser um dos vencedores da noite, vendo reconhecido o talento de Del Toro e da sua equipa no mundo dos contadores de histórias com imagens.

Conto de fadas na Espanha fascista. Combinação improvável? Nem por isso. De certo modo Del Toro junta o pior e o melhor dos dois mundos, muito embora dependentes da percepção que cada espectador tem daquele período da história espanhola e europeia ou dos momentos de fantasia presentes no mundo de Ofélia. Criança/princesa, motor principal da narrativa, Ofélia, tal como Alice, tem acesso a um mundo vedado aos adultos, mas aparentemente, não a Guillermo Del Toro, realizador de uma magia aparente, e a quem se pede que continue a deslumbrar-nos a todos. Ele, que em pequeno tinha um Fauno a viver dentro do armário do seu quarto.

PS: Já agora, o filme estreia esta semana. Façam um favor a vós mesmos e vão vê-lo.

1 Responses to “O Labirinto Del Toro”

  1. # Blogger Via Gloria

    Pode parecer uma pergunta um pouco absurda, de gente um pouco leiga na matéria...mas que "espesse" é o bicharoco da foto?! O filme promete mestre Bruno!  

Enviar um comentário


Links to this post

Criar uma hiperligação

Zurraria

  • Para além de ocuparmos espaço na net, desperdiçamos também papel no Jornal de Monchique...

    Zurras Mail

  • zurraria@gmail.com